quarta-feira, 6 de julho de 2016

SINAIS MASSORETICOS (vogais-hebraicas)

SINAIS MASSORETICOS (vogais-hebraicas)
os massoréticos (vogais-hebraicas)

Na segunda metade  do primeiro  milênio era atual, os  escribas conhecidos  como massoretas (doutores  da To
A padronização dos sinais e pontuação criados pelos massoretas se deu por volta drah)introduziram um sistema de sinais vocálicos, para facilitar a leitura do texto consonantal em hebraico. A MASSORÁ era um conjunto de comentários críticos e gramaticais (soletração, vocalização, divisão em orações e parágrafos etc.) A palavra "Massorah" é uma palavra HEBRAICA que quer dizer "TRADIÇÃO

No hebraico antigo escrevia-se somente com consoantes, e As vogais eram somente pronunciadas, isto é, as vogais eram transmitidas, através das gerações do povo judeu, oralmente e não de forma escrita, visto que a escrita da língua hebraica possuía apenas as consoantes.

Os Massoretas foram os responsáveis pela adição de vogais no texto hebraico moderno.

o século X com o trabalho das famílias ben Asher e ben Naphtali. Uma dessas famílias, a de Ben Asher, foi responsável pela produção de importantes códices, tais como o Códice do Cairo(895 d.C.), o Códice Alepo (900-950 d.C.) e o Códice Leningrado (1008 d.C.). Os registros contidos nesses códices são conhecidos como textos massoréticos. O texto do Antigo Testamento que consta atualmente em nossas Bíblias é baseado nos textos massoréticos.

Os sinais massoréticos, em sua maioria, são colocados abaixo das letras, mas alguns também são colocados acima ou na linha média da letra. 

Vamos então conhecê-los:


LONGASBREVESSEMIVOGAIS
VOGAL "A"
Qamatz Gadol
(ver texto)
PatarShevau Qamatz
(Qamatz Qaton)
Shevau Patar
VOGAL "E"
TserêSegolShevauShevau Segol
VOGAL "I"
Hireq GadolHireq Qaton
VOGAL "O"
Vav RoulemRoulem
VOGAL "U"
Vav ShuruqQibuts

Em hebraico existem vogais LONGAS, BREVES e SEMIVOGAIS. Para melhor entendimento, precisaremos explicar alguns dos massoréticos.

Qamatz - O massorético "qamatz" possui um som de vogal  "A" p


Patar - É a vogal "A" breve. É

Shevau - Este massorético foi inventado para representar uma semivogal ou "vogal esvaída". Para entendermos tal coisa, devemos pensar nas palavras "advogado" ou "adjetivo", em português. Nestas palavras, após o "d", há, de fato, uma "vogal esvaída", que não é nem escrita, mas que é pronunciada por um tempo muito pequeno. Há pessoas que pronunciam erradamente a palavra como "adevogado", como se ali houvesse uma vogal. Este conceito de semivogal é importante de ser bem entendido, para uma perfeita pronúncia das palavras que contêm o massorético "Shevau" ou seus compostos.


Quando o "Shevau" aparece ligando uma consoante à outra, na mesma sílaba, ele é pronunciado como "E" bem curto, mas é vocálico ou sonoro. Um bom exemplo para este caso é a palavra "mnemônico" em português. Se usássemos massoréticos em português, certamente esta palavra receberia um "Shevau" vocálico entre o "m" e o "n" iniciais. O mesmo é válido para a palavra "pneu", que muitos pronunciam erradamente como "peneu".

Quando o "Shevau" aparece no final de uma sílaba, ele é pronunciado extremamente curto, e não é transliterado, mas atua de forma "secante" na palavra, causando uma pausa como se a palavra tivesse sido dividida em duas palavras. Novamente as palavras "advogado" e "adjetivo", em português, servem de exemplo para este caso, pois é como se pronunciássemos duas palavras "ad-vogado" ou "ad-jetivo". Se usássemos os massoréticos em português, estas duas palavras certamente receberiam o "Shevau" secante.

Shevau-Patar, Shevau-Segol e Shevau-Qamatz - Quando o massorético "Shevau" estiver sob uma consoante gutural (álef, áyin, hê, khêt ou rêsh), ele deve ser representado precedido pelo sinal de uma vogal longa ou breve (qamatz, patar ou segol).

Hireq Gadol e Hireq Qaton - A forma longa da vogal "I" é representada pelo Hireq Gadol, que é composto de um ponto sob a consoante que precede a letra YOD. A forma curta da vogal "I" é representada pelo Hireq Qaton que é apenas um ponto sob uma consoante. Além disso, a própria letra YOD, embora consoante, apresenta som de "I" e, eventualmente, "E".


Roulem e Vav Roulem - Estas são duas formas de "O" longo. O Vav Roulem é a representação da letra VAV com um ponto sobre ela, apresentando som de "O" longo por natureza. Este é o caso em que o VAV atua como "O" e não como "V". O ponto superior pode também ser usado em palavras onde não há o VAV mas que possuem, contudo, a pronúncia da vogal "O".

IMPORTANTE: Quando falamos sobre sinais massoréticos, esclarecemos que são sinais ADICIONADOS à escrita hebraica, e que não faziam parte do hebraico original. Assim, no caso do Vav Roulem, somente o ponto é, de fato, um sinal massorético. O VAV que aparece sob ele, existiria do mesmo jeito numa escrita onde os sinais massoréticos estivessem ausentes.

Vav Shuruq e Qibuts - São as representações longa e curta, respectivamente, da vogal "U". O Vav Shuruq faz parte do Nome do Criador,  e do Nome do Messias.

Esta é a forma quadrática do TETRAGRAMA SAGRADO-de imprensa- ou moderno- sem os massoréticos. Ao colocar os sinais massoréticos passamos a identificar a pronûncia, som-fonema-fonética corretos. É do TETRAGRAMA SAGRADO que partem as inúmeras Transliterações
 YAHWEH é o único nome que é realmente o nome próprio de ETERNO CRIADOR. Os outros nomes são títulos e não nomes propriamente.

O nome  YAHWEH= יַהְוֶה é derivado da forma causativa do verbo hebraico HAVAH (הָוָה), que significa “ser”, ou “existir”.
E de acordo a tradição judaica é a terceira  pessoa  do imperfeito no singular do verbo  SER.
O nome YAHVEH significa “Ele faz existir



YAHSHUAH
YUD HEY VAV HEY  mais as a letra Shin=Sh  com som de x e o massorético  VAV SHURUK=”U”   o Ayin com o Patar, “A”=  e  o HEY=H no final mudo =יהשועה
 יהשועה = YAHSHUAH  o nome do filho escrito  da direita  para  a esquerda em caracteres hebraicos transliterado.
Português: como você pode observar este Nome não tem nenhum, massôrach,
י ). Yôd = Y
ה ). Hêi = Ah
ש ). Shin = SH = X       
ו  )  VAV shuruk=U
ע ). Ain = A,
 ה ) Hêi  =H MUDO.
   יהשועה=YAHSHUAH   







Ivonil Ferreira d e carvalho

segunda-feira, 4 de julho de 2016

BEYT SARIM (CASA DOS PRINCIPES)


 

Beth-Sarim — Casa dos Príncipes? Ou Mansão de Luxo de Rutherford?






Beth-Sarim — Casa dos Príncipes? Ou Mansão de Luxo de Rutherford?


 



BET  SARIM ORIGINAL...'

Casa dos Profetas?

Segundo  o Juiz Rutherford,...a casa Bete-Sarim iria permanecer no reino de Jeová para ser usada para sempre.
Joseph Rutherford, presidente da Watchtower Bible and Tract Society (Torre De Vigia) encomendou a construção de uma casa em San Diego, Califórnia. Esta casa se tornaria casa para Abraão, Isaaque, Jacó, José, Moisés, Davi, Samuel e todos os mencionados em Hebreus capítulo 11. No entanto, quando a festa bíblica não ocorreu, o incidente Bete-Sarim teve que ser reprimido e escondido.


 
Beth-Sarim hoje:



Foto: Diane Raines


Em 1920, Rutherford declarou, “Como nós já declaramos anteriormente, o grande ciclo de jubileu deve começar em 1925. Naquele tempo a fase terrestre do reino será reconhecida”. Rutherford explicou, “Portanto, podemos esperar confiantemente que 1925 marcará o retorno de Abraão, Isaque, Jacó e os profetas fiéis da antiguidade, particularmente aqueles mencionados pelo Apóstolo em Hebreus capítulo onze, e voltaram condição de perfeição humana “(Milhões Agora Vivem Jamais Morrerão, p. 89-90). Esta era uma profecia excitante. Testemunhas de Jeová ao redor do mundo aderiram sua causa, sendo justificados pela manifestação física destes patriarcas bíblicos. Quando chegou 1925, mas Abraão e os demais não ressuscitaram, alguns seguidores de Rutherford abandonaram a os Testemunhas de Jeová. Mesmo que não tivesse ocorrido em 1925, ainda era um assunto de antecipação muito animado. Por esta razão, Rutherford, percebendo que quando Abraão e companhia brevemente chegariam, deu instruções para construí-lhes uma casa. Em seu livro, Salvação , Rutherford menciona esta casa e seu propósito de ser construído. “Em San Diego, Califórnia, há um pequeno pedaço de terra, em que, no ano de 1929, foi construída uma casa, que é chamado e conhecida como Bete Sarim As palavras hebraicas Bete Sarim significam “Casa dos Príncipes. e a propósito de adquirir esta propriedade e construir a casa era de que havia alguma prova tangível de que existiam pessoas na terra hoje que acreditam plenamente em Deus e Cristo Jesus e em Seu reino, e que acreditam que os homens fiéis da antiguidade serão ressuscitados em breve pelo Senhor, estar de volta na terra, e assumir o controle dos negócios visíveis da terra “(p. 311). 

 
Com a casa agora construída, não havia nada a fazer senão esperar. E eles esperaram, até 1942. Rutherford escreveu o último livro de sua vida, mencionando novamente Bete-Sarim e Abraão, e conpanhia. Ele escreveu: “portanto, aqueles homens fiéis do passado podem ser esperados de volta dos mortos a qualquer momento. As Escrituras dão boas razões para acreditar que será pouco antes das pausas Armageddon. “Nesta expectativa a casa em San Diego, Califórnia, que casa tem sido muito divulgada com intenções maliciosas pelo inimigo religioso, foi construída, e chamado de ‘Bete-Sarim’, ‘Casa dos Príncipes ” E agora guardadas em confiança para a ocupação por esses príncipes no seu retorno “(The New World, p. 104). Note que Rutherford disse que foi “realizada em confiança.” Na verdade, a ação tem vários pontos muito interessantes. Explica , “que (o) Reino de Deus terá representantes visíveis na terra, que serão encarregados dos assuntos das nações sob a supervisão do governante, que entre eles estão, assim, os representantes fiéis e os governadores visíveis neste mundoserão Davi, Israel(Jacó), e Gideão, e Baraque, e de Sansão, e Jefté, e José, o antigo governante do Egito, e Samuel, o profeta e outros homens fiéis que foram nomeados com aprovação na Bíblia em Hebreus, capítulo 11. “Isto foi oque disse a Watchtower Bible and Tract Society (Torre De Vigia) que todos os homens acima nomeados como representantes do reino de Deus na terra e que esses homens devem ter posse e uso da referida propriedade” No entanto, havia uma cláusula condicional colocada na ação. Até Davi, Abraão ou outros ressuscitarem,e dizia isso: ” Joseph F. Rutherford, têm o direito e privilégio de residir no referido estabelecimento até ser tomado por Davi os outros homens aqui nomeados e esta propriedade e instalações são dedicados a Jeová e ao uso de seu reino e deve ser usado para tal para sempre “ (ação de 24 de dezembro de 1929). 
 
A ação, que foi assinada por Rutherford tinha três artigos notáveis ​​nele. 

Primeiro , Beth-Sarim foi construído para o propósito expresso de moradia para os patriarcas. 

Em segundo lugar, embora Rutherford poderia morar na casa, ele só poderia fazê-lo até que alguém de hebreus 11 chegasse. 

Terceiro, a casa Bete-Sarim iria permanecer no reino de Jeová para ser usada para sempre.

Talvez não seja necessário explicar, mas ninguém de hebreus 11 chegou para assumir a propriedade Bete-Sarim. Como resultado, Rutherford passou os últimos anos de sua vida nesta mansão bonita enquanto seus seguidores sofreram em pobreza durante a Grande Depressão da década de 1930. Além disso, alguns anos após a morte de Rutherford, Bete-Sarim foi vendida. Em 1948 a casa foi vendida, e o ensinando relativo ao “retorno dos antigos dignitários foi silenciosamente abandonado em 1950” (Milhões Agora Vivem Jamais Morrerão: Um Estudo das Testemunhas de Jeová, Alan Rogerson, p. 48). Assim, Há um epílogo a esta história. Em 1975, a Sociedade Torre de Vigia publicou um livro que mencionou Bete-Sarim. No entanto, as informações contidas em suas páginas só serve para complicar as Testemunhas de Jeová na sua credibilidade histórica. Desde seus primórdios, Bete-Sarim foi o construída para Abraão e amigos. Este livro parece contar uma história completamente diferente. “Com o tempo, uma contribuição direta foi feita com o propósito de construir uma casa em San Diego para o uso do Irmão Rutherford. Ela não foi construída à custa da Sociedade Torre de Vigia. Relativo a esta propriedade,

O livro de 1939 Salvação afirmou: “Em San Diego, Califórnia, há um pequeno pedaço de terra, em que, no ano de 1929, foi construída uma casa, que é chamada e conhecida como Bete-Sarim. ‘” (1975 Yearbook das Testemunhas de Jeová, p. 194). Há dois problemas com esta declaração do Anuário. Primeiro, a Torre de Vigia disse que foi construída para uso do Irmão Rutherford quando de fato, de acordo com Rutherford-se, foi construído para os homens de Hebreus ! Embora Rutherford reivindicasse ter sabedoria profética, ele fez muitas falsas profecias. Uma dessas profecias foi sua previsão de 1925, relativa ao retorno de Abraão e outros patriarcas bíblicos. Para agravar estes problemas nos últimos anos a Sociedade Torre de Vigia, em suas tentativas de encobrimento de eventos constrangedores de seu passado, usou-se falsas profecias. Talvez o pior de tudo, é o fato de que em assim fazendo, eles já estão mentindo para seus próprios seguidor.

Rutherford profetizou que em 1925 os servos de Jeová da antiguidade seriam ressuscitados e neste mesmo ano ocorreria o armagedom.

“Baseado nos argumentos estabelecidos a seguir, então, essa velha ordem de coisas, este velho mundo, está passando e terminará, e a nova ordem está chegando, e 1925 marcará a ressurreição dos fieis profetas da antiguidade e do começo da reconstrução, é razoável concluir que milhões de pessoas ainda estarão na terra em 1925. Então baseado nas promessas estabelecidas na Palavra divina, nós temos que chegar à conclusão positiva e indisputável que milhões que agora vivem jamais morrerão.” (Milhões que Agora Vivem Jamais Morrerão - 1920 - pág. 97)

Ele viu a necessidade de providenciar uma moradia para os ressuscitados e adquiriu uma mansão em San Diego na Califórnia, chamada “Beth Sarim” (Casa dos príncipes - foto abaixo). Obviamente nada do que ele profetizou aconteceu, mas a mansão foi muito bem aproveitada por Rutherford, pois ele passou a se refugiar em San Diego, fugindo dos invernos rigorosos de Nova York.

"O Senhor Jesus veio a seu templo em 1918 e isso marcou o tempo da cessação do trabalho do espírito santo como advogado, ajudador e confortador para os membros da igreja na terra." (Preservação -1932, pg. 202-203)

Estes anjos são invisíveis aos olhos humanos e se apresentam para levar a cabo as ordens de Deus. Sem dúvida eles ouvem as instruções emitidas por Deus, e então estes mensageiros invisíveis passam tais instruções para o restante ungido. Os fatos mostram que os anjos de Deus, tendo a Ele como templo, têm feito este serviço para os ungidos desde 1919.” (Vindicação III - 1932, pg. 250)

Parabens pelos vosso refinado gosto de leitura!


J.F. Rutherford com um dos cadillacs em frente da mansão Beth-Sarim.
Rutherford mandou construir a mansão porque estava convencido que os profetas do Velho Testamento seriam ressuscitados em breve e ele queria ter um lugar agradável para eles viverem. Ele até chegou a incluir os nomes de alguns deles na escritura pública da casa! Se tudo corresse conforme planeado, o próprio Rutherford viveria naquela casa com eles e usaria um dos novos Cadillacs [automóveis de luxo] que também foram comprados. Até foram plantadas oliveiras [e palmeiras também] no local, para simular a paisagem do Oriente Médio.
 

Pesquisa  de
Ivonil ferreira  de carvalho






FORA DE MIM-YAHVEH-NÃO HÁ SALVADOR



Com certeza...porem, conheçamos por quais meios ele salva!

"Eu, eu sou Yahveh, e fora de mim não existe salvador." Yahshayahu(Isaías )43:11

 Não há salvação em nenhum outro; porquanto não há nenhum outro Nome debaixo dos shamayim dado entre os

homens, pelo qual devamos ser salvos.MAASEH SHLICHIM – ATOS DOS EMISSÁRIOS 4;12
alem do Nome do Teu kadosh
Filho .יהשועה-Yahshuah (Yahveh é salvação) 

È muito simples quando se tem a cooperação do rukha kadosh para entender o que foi escrito!
YAH-SHUÁH...SALVAÇÃO DE YAH-VEH... ficando claro que o eterno Yahveh é o unico que salva...e de qual modo ele estabeleceu essa salvação ?

Através do filho gerado!
O pai é o criador!
O filho é criado!
..unigenito do pai(unico gerado)jo 1;14.
...o primogenito(1°gerado)apo-1,15


Disse Yahveh o aba-pai o soberano...
sobre o filho!
...tu és meu filho, hoje te gerei...heb-1,5
será que o pai gerou ele mesmo? E se sim, como foi esse processo de gerar a si mesmo); alguem explica?
...quem não permanece fiel ao que o messias ensinou não tem Yahweh.
Quem permanece fiel ao seu ensino tem tanto o pai-Yahweh...quanto o filho yahshuah-2 pessoas.
Se alguém chegar a vocês e não trouxer esse ensino-2 pessoas pai e o filho-não
o recebam em casa, nem mesmo lhe diga shalom....porque a pessoa que lhe diz shalom ;
participa de suas obras de incredulidade..2ª Yahanam(João) 9-11.


Luka 2;11 Porque vos nasceu neste dia, na cidade de Dawid, um
Salvador, que é o Mashyah.

Para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
Porque Ulhim amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.


Porque Ulhim enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele.
Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Ulhim.
João 3:15-18


O filho vai entregar o reino de volta ao pai após seu reino de mil manos!! Vejam!!


1ª- Corintios 15;22 Porque, assim como em Adahm, todos morrem;
assim também, no Mashyah, todos hão de ressurgir,
vivos.
23 Mas cada um na sua própria ordem; o Moshiach, o
Bikkur(ressuscitou primeiro); depois, os que são do Mashyah, na Sua vinda.
24 Então virá o fim do olam hazeh, quando Ele tiver
entregue o malchut a יהוה , a saber, ao Abba; quando Ele
tiver derribado todo principado e toda a autoridade e
poder.
25 Porque Ele deve reinar, até que Ele tenha posto todos
os inimigos debaixo dos Seus pés.


ENTENDENDO OS TERMOS ECHAD  E YACHID

Qual é a diferença, entre a palavra "Yachid" (יָחִיד) "Único"
conforme está escrito nos livros de; Gênesis 22:2,12,16; João 17:3
E a palavra; "Echad" (אֶחָד) "Um"
conforme está escrito nos livros de; Deuteronômios 6:4; Juízes 20:11 João 10:30; João 17:21.
Pois, o primeiro Adam (אָדָ֛ם) é "Yachid" (יָחִיד) "Único"
assim como o Pai Celestial, é; "Yachid" (יָחִיד) "Único"
Porque, Adam (אָדָ֛ם) é o Primeiro da Criação; e o Último da Criação.
Pois, antes de Adam (אָדָ֛ם), nenhum outro existiu.
E depois de Adam (אָדָ֛ם), nenhum outro existirá.
Porque, todos nós somos descendentes de Adam (אָדָ֛ם).
E Adam (אָדָ֛ם) é o "Yachid" (יָחִיד) "Único",
descendente de yhvh-=Yahveh.
Que têm a mesma Imagem do Pai Celestial.
Pois, a imagem do Pai Celestial, está no Filho,
e a imagem do Filho, está no Pai Celestial,heb-1,3.
Dessa forma, o Pai e o Filho, são apenas; "Echad" (אֶחָד) "Um"
A quem o Pai Celestial, sujeitou toda a sua Criação.
Fazendo do seu Filho, Primogênito, e Unigênito Adam (אָדָ֛ם);
o "Adon Olam" (אֲדוֹן עוֹלָם) "Soberano do Mundo".
Pois, até do dia de shabat (שָׁבַת֙) sábado;
o seu filho Primogênito e Unigênito Adam (אָדָ֛ם) era Senhor (אֲדוֹן).
Conforme está escrito nos livros de; Gênesis 1:26,27,28; Salmos 8:4-8; Isaías 8:18; Lucas 3:38; João 10:38; João 14:9,10,11; Hebreus 1:2,3; Hebreus 2:5-13; Apocalipse 1:17; Apocalipse 3:14.
Veja o que Yahshuah, disse aos Yahdim( judeus:)

Eu e o Pai Celestial, somos "Echad" (אֶחָד) "Um". João 10:30.
Veja o que Yahshuah (, disse em oração: Para que todos os homens que me deste, sejam "Echad" (אֶחָד) "Um" assim como tu, ó Pai Celestial, és "Echad" (אֶחָד) "Um" em mim. E eu sou "Echad" (אֶחָד) "Um" em ti. Que também, eles sejam "Echad" (אֶחָד) "Um" em nós. João 17:21.
Veja o que Yahshuah (יֵשׁוּעַ), disse em oração: Então, esta é a "Vida Eterna" que conheçam-te, ó Pai Celestial, como "Yachid" (יָחִיד) "Único" verdadeiro Ulhim
E conheçam-me, ó Pai Celestial; como "Yachid" (יָחִיד) "Único" Mashiyah (מָשִׁיחַ); Messias, Ungido que... tu enviastes. João 17:3.

 Ela é utilizada no tradicional Shemá, Devarim 6:4.
Escuta ó Israel, Ad-nai nosso yhvh é Um.
שמע ישראל י-ה-ו-ה אלקינו י-ה-ו-ה אחד
Shemá Isra'el Ad-nai Eloqeinu Ad-nai Echad.
Também é utilizado em mais de 700 passagens na Tanakh(Velho Testamento em hebraico).
Outros Exemplos
Exemplo: "Deixará portanto o homem seu pai e sua mãe e se unirá à sua mulher, e serão ambos uma só carne" - Bereshit (Gênesis) 2:24

Em hebraico:
לבשר אחד
"lebassar echad"
Forma Gramatical
Ao contrário do que dizem alguns religiosos que afirmam que a palavra אחד - echad significa "unidade composta", essa palavra tem o mesmo sentido do numeral "um" em portugues e tem também função de artigo indefinido, semelhante ao artigo indefinido "a" no inglês. Só o texto Gn 2:24 não é o suficiente para provar que echad signifique unidade composta, uma vez que esse termo ocorre em mais de 700 passagens da Tanakh.

Diferenças entre Echad, Yachid e Yechidah
Vejamos por exemplo o uso comum da palavra "echad" e יחיד - "yachid" (lembrando que echad significa "um" e yachid significa "único") no idioma hebraico: Como  explicado acima

היה איש אחד שהיה לו בן יחיד
hayah 'ish 'echad shehayah lo ben yachid
Traduzindo:
"havia um homem que tinha um único filho"

E também a palavra יחיד - yachid não significa "unidade absoluta", mas sim "único", e a palavra יחידה - "yechidah" significa "unidade". Então temos:

אחד - echad (errad)- "um"
יחיד - yachid(yarrid) - "único"
יחידה - yechidah (yerridá)- "unidade".

Porém há certos problemas. Grande parte dos religiosos afirmam que a unidade absoluta é determinada pela palavra "yachid", mas ao observarmos, não há diferença ao falarmos "um povo"(unidade composta) e "único povo"(unidade composta), ou por exemplo, "um filho"(unidade absoluta) e "único filho"(unidade absoluta).


Ivonil Ferreira  de  Carvalho.